Circo Stankowich


O circo brasileiro entrou em declínio nas últimas décadas, principalmente após a proibição de animais em espetáculos circenses e a dificuldade de transição da publicidade tradicional para a atual (site, redes sociais etc). Segundo o Ministério da Cultura, em 1980 existia cerca de dois mil circos brasileiros, atualmente existe algo em torno de trezentos. Das grandes famílias circenses que rodavam o nosso território, como Garcia e Orfei, os Stankowich's são exemplos de tradição e inovação, demonstrando que o circo tradicional, mesmo sem animais, é capaz de mostrar a sua força. O que mais se destacou para mim é a relação com a internet, o site mostra detalhes sobre o circo Stankowich, a sua história e principalmente onde estão armados, com preços e horários dos espetáculos. O site atrelado a um perfil ativo no facebook, é publicidade direta e rápida.
Tendo visitado na década passada os principais circos brasileiros, o Stankowich finalmente estaria diante de mim. A simpatia dos funcionários é notável juntamente com a infraestrutura que se destaca dos pequenos circos. No início do espetáculo, é claramente perceptível que se trata de verdadeiros artistas, diferentes de muitas apresentações comuns na televisão onde alguém se autodenomina como artista e deixa muito à desejar, pois da platéia não se tem ideia do que pode acontecer, o grande artista supera as limitações e vai muito mais além do que é esperado pelo público. Enquanto um número está terminando, o próximo já está iniciando, de forma ágil e com um profissionalismo que um leigo em circo nem percebe, quando se dá conta, já está tudo arrumado e acontecendo diante dos seus olhos. O baile de abertura e as coreografias em alguns números exaltam a nossa rica tradição circense, sem falar da beleza das mulheres e na riqueza dos figurinos.



Muitos vão ao circo querendo pagar cinco ou dez reais e no final podem se decepcionar, levando em conta as dificuldades e os impostos caríssimos (combustível, água, energia, pedágios, aluguel de terreno, manutenção, alimentação), cobrar quarenta reais por uma entrada de um bom espetáculo até que está ótimo. É evidente que se fosse em tempos passados, onde era garantido que o público lotasse as arquibancadas, o ingresso seria muito mais acessível, porém percebo que as pessoas perderam o hábito de frequentar circos e agora estão se interessando mais e tendo uma outra imagem do que os espetáculos representam. Muitos se lembram do espetáculo com o palhaço, do mágico limitado, das arquibancadas em madeira, hoje existem globo da morte, recursos de iluminação e efeitos-especiais, ou seja, muita coisa se desenvolveu, encantando tanto as crianças como os adultos.


Ir ao circo é preservar a nossa cultura de forma mais pura e direta. É rir e se emocionar com belos números e quando você vai ao circo, evita que nossos artistas sejam obrigados a irem para o exterior, quando podem se apresentar no Brasil e proporcionar momentos inesquecíveis para nós brasileiros.









http://www.stankowich.com.br/

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

- Sem palavrões
- Deixe seu e-mail para que avise a você quando tiver respondido o seu comentário

Seu comentário é muito importante! Faça sua pergunta e irei te responder assim que possível!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...