Por Que Não Devo Me Suicidar? - Parte 2


Este texto é a continuação do Por Que Não Me Suicidar - Parte 1. É interessante ressaltar que parece ser um assunto que faz parte do cotidiano de poucas pessoas, porém quando ele é abordado muitas pessoas relatam que já passaram por isto, afinal muitos sofrem ou já sofreram com pensamentos suicidas, mas não demonstram por vergonha ou porque ficam pensando no que os outros irão pensar a respeito dela. Ninguém que esteja nessa situação deve se sentir envergonhado e muito menos covarde, pois nem sempre alguns têm suportes afetivos ou emocionais com a própria família, e os amigos não sabem dominar muito bem temas complexos como este.

Depois de refletir nas questões abordadas em outra postagem leve em conta o seu interior ao invés do exterior, ou seja, não o que vem de fora, mas o que interfere em algo de dentro de você. Passe o tempo que for necessário tentando identificar os seus sentimentos, as suas vontades e os sonhos. Quando alguém passa a ter grandes responsabilidades ou compromissos, esquece de si mesmo e começa a dar importância e razão para coisas materiais que não estão sob o controle de ninguém e quando tais coisas são perdidas, o mundo dessa pessoa simplesmente desmorona. Não importe pelo que tenha passado, perdido ou se decepcionado nesses últimos tempos, analise o seu interior e escreva no papel tudo o que ache importante, tanto pequenas ou grandes conquistas que não sejam coisas materiais. Ex: Visitar alguém que há algum tempo deseja ver ou até mesmo que te passa certa tranquilidade e confiança. Um lugar perto onde é possível ter paz. Mudar o corte ou a cor do cabelo, afinal recuperar o auto-estima é algo que irá te fazer feliz.


Depois de fazer tais coisas que não envolvam materialismo, pense em pequenas coisas materiais, mas não levando em conta o seu valor, mas sim nos bons sentimentos que irão te dar agora. Ex: Comprar uma camisa ou blusa por mais simples que seja, mas que te faça sentir-se bonito/bonita. Adquirir um livro com um tema no qual gosta de refletir; o mesmo pode ser encontrado em sebos, onde há os menores preços. Se for alguma outra coisa, mas que faça se sentir bem, sem nenhuma chance de prejudicar a sua saúde (viciados em cigarros acham que estão fazendo algo bom quando fumam, quando na verdade estão dando a si próprios uma morte lenta e anunciada), um esporte ou estar junto do seu amor correspondido pode ser bom para você.

Lentamente, alveje coisas que estão ao seu controle e pense sempre em ti, ao invés das opiniões dos outros. Pensar em si próprio é não ser alguém frustrado consigo mesmo por jamais ter feito coisas que seriam boas para você, mas sim ser uma pessoa que sempre soube o que queria e mesmo que não tenha dado certo, lutou e não deixará de lutar. Não deu certo o que queria? Pense se foi devido as cinrcustâncias que naturalmente dificultou a sua conquista ou se era algo que no meio da luta te fez perceber, após ter conhecido, que não era aquilo que realmente queria. Se for pelas circustâncias, lute novamente e se empenhe mais e mais, se for por algo no qual achou que não é mais o que deseja, mude o foco, pensando em si mesmo e nas suas vontades e habilidades.

Se achar que a vida não está sendo boa é sinal de que andou observando mais os defeitos das pessoas e no lado negativo da sociedade do que nas coisas boas. Existem momentos que isso ocorre quando pensamos na falta de amor com o próximo, na falta de assistência do governo (que só nos dá atenção na hora de votarmos), na desumanidade na área da saúde e na ignorância quanto ao sistema público educacional. Mas os homens são os que somente dão importantes sentidos para o mundo? Não. A natureza e os animais além de também fazerem grande importância, são perfeitos. São um conjunto de coisas que irá te fazer um privilegiado por estar aqui presenciado uma paisagem, as vegetações, os animais que vivem nas florestas e verá que além de serem essenciais para a vida humana em si, nos deixam maravilhados. Procure por lugares onde é possível fazer pequenas ou médias trilhas pela natureza e convide alguns amigos para irem com você. Assim poderá perceber a perfeita natureza que habita no mundo e ao seu redor. E considere procurar ajuda psicológica. Leia: Por que Todos Nós Precisamos de Um Psicólogo?



"Um homem não está acabado quando ele é derrotado, mas quando desiste." - Richard Nixon




Este texto foi atualizado em 30/11/2013

Comente com o Facebook:

14 comentários:

  1. É muito bonito falar essas coisas quando você está em casa. Barriga cheia. Dinheiro no bolso. Empregado. Cheio de amigos. Em sua terra natal. Junto aos parentes. Quando falta tudo isso a solução é o suicídio mesmo! A família passa por um processo de luto, mas depois recupera. Viver humilhado, nunca! É melhor morrer! Afinal lá do outro lado não existe nada! É só a desintegração do ser na natureza! Boa morte aos que quiserem!

    ResponderExcluir
  2. Querido ANÔNIMO ou ANÔNIMA, se ter uma casa, uma boa vida financeira e poder ter praticamente todos os objetos de consumo que o mundo oferece é uma definição para felicidade, os índices de suicídio na europa não seriam um dos mais altos. Veja que se uma vida é humilhada, procure ver o que possa fazer para que não seja humilhada. Se a humilhação em si te faz mal (faz mal para qualquer pessoa) procure uma forma de aprender. Veja que a humilhação pode ser uma fonte de aprendizagem para mudar diferentes pontos em sua vida. O que os outros pensam ou falam não é sempre algo que queremos ouvir e nem sempre será, por isso temos que criar limites, pois as pessoas podem utilizar isso para ver a sua infelicidade.

    Você pode ter esse pensamento de que do outro lado não exista absolutamente nada, mas as que compravam ao contrário são maiores. O mundo pode parecer algo sem sentido, mas não viva sem sentido, pois quando você estiver com sentido de si mesmo, a sua visão de mundo e o próprio mundo terão um sentido. Amigos, bons amigos, podem ser melhores do que qualquer dinheiro. E nem sempre a família será algo bom para alguém. As vezes é preciso um determinado afastamento para seguirmos os nossos sonhos. Siga o seu.

    ResponderExcluir
  3. quando voce vive inospresado por todos a sua volta nao tenho amigos e nao sou atraente vivo com essa ideia na minha cabeça de tira minha vida afinal nao vou fazer falta para minguem.

    ResponderExcluir
  4. Será que realmente não rá fazer falta pra exatamente ninguém? Acho que não existe essa de que não faz falta ou que não é importante. Se não tem amigos, faça verdadeiras amizades, se abra e dê iniciativa. Porém saiba com quem estará se envolvendo, pois amizades é difícil, ter colegas é fácil.


    Abraços e se cuida

    Fique com Deus

    ResponderExcluir
  5. preciso ouvi coisas boas por favor fale-me alguma coisa para eu puder tira essa ideia da minha cabeça mestre;preciso de ajuda.

    ResponderExcluir
  6. Assunto bem...forte!Eu como tenho um MEDO danado de morrer...rsrs
    A vida é um presente dado por Deus,cabe a nós sabermos vivê-la da melhor maneira possível.Mesmo no fim do túnel,a sempre uma saída.É só procurar a luz e ter principalmente muita fé.
    Obrigada por deixar seu rastro no blog.Deixo meu "rugido" por aqui...rsrs
    Boa semana.bjk

    ResponderExcluir
  7. FAZ UM favor, coloca letra preta, que eu não to vendo nada, parabéns, seus textos são otimos ;D
    Desisti de me matar, lembrei, que ninguem é mais importante do que eu mesma...

    ResponderExcluir
  8. Olá, obrigado pelo elogio. Estou mudando o layout do blog, aos poucos tudo ficará em harmonia com as novas cores.


    Fique com Deus

    ResponderExcluir
  9. Felizmente e graças a Deus, não me falta nada,(apenas tive uma infância muito dolorosa, mas Deus se encarregou de preparar outras pessoas pra me ajudarem). Porém, sinto que estou simplesmente perdendo a vontade de viver. Tenho apenas 20 anos, mas eu estaria disposta a dar minha vida pra qualquer pessoa, só para sair daqui (mundo). Sabe... as vezes invejo alguem que morreu, poderia ser eu, conseguir ir embora sem precisar me matar..
    Acredito em Deus, por isso ainda não tirei minha vida, mas confesso, se isso não significasse PERDIÇÃO ETERNA, com toda certeza, eu não estaria mais aqui. Sinto que me falta algo, e tento encontrar isso em Deus todos os dias (Ele sabe disso)! Mas acho que estou cansando de tentar... E quando acho que me recuperei, volta toda a desesperança novamente.
    Não sei o que fazer pra realmente sentir desejo de viver, sem precisar me esconder atrás de uma máscara e fingir dia após dia ser feliz, ouvindo dos outros que se está com manha e que não tem motivos pra ficar assim.. Ah..se fosse tão fácil (pra quem vê de fora, é muito fácil julgar).
    No entanto... desculpem-me pelas palavras tão depressivas, mas viver pra mim DÓI muito!!!

    ResponderExcluir
  10. Bom, vc tem apenas 20 anos e assim como eu ainda tem muito para viver. Se quer morrer é porque algo está errado ou está buscando mais uma outra dimensão que acredita que irá ter após a morte do que aqui, no agora. Se tem a oportunidade, procure um psicológo, entre em harmonia com os seus princípios espirituais e busque enxergar e viver os aspectos e momentos positivos desta sua vida.

    Um grande abraço e fique com Deus

    ResponderExcluir
  11. Muito obrigada..tentarei seguir seus conselhos...
    Ótimo dia pra vc!!!

    ResponderExcluir
  12. Ótimos dias para você também. Muito obrigado e volte sempre.

    Bjs e fique com Deus

    ResponderExcluir
  13. Respostas
    1. Deve ser muito ruim estar nessa situação. Se tiver como eu te ajudar em alguma coisa, pode escrever algum comentário.

      Sugiro que também acessa a página do blog no Facebook, onde constantemente posto conteúdos paralelos: http://www.facebook.com/TeoriasDoLeaoDaMontanha

      abraços e melhoras

      Excluir

- Sem palavrões
- Deixe seu e-mail para que avise a você quando tiver respondido o seu comentário

Seu comentário é muito importante! Faça sua pergunta e irei te responder assim que possível!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...