Como Acabar com Seu Medo


O medo é originado a partir de algum evento que tenha representado um significativo perigo, por isso qualquer pessoa independente do seu período de vida pode ter medo de algo específico. A limitação imposta por ele, através da ansiedade, vai estabelecer o grau, podendo ser estabelecido como um simples medo ou mesmo uma fobia. Em uma situação de queda de energia dentro de um elevador, por exemplo, se a pessoa estiver sozinha, dependendo da sua reação e como ela interpreta esse evento, pode originar uma fobia através do elevado grau de ansiedade, produzindo um terrível mal-estar. Muitas pessoas relatam que a sensação é como se fosse a de morte. A partir daí, o elevador será evitado e mesmo quando ela ver um, sua ansiedade será elevada ao ponto de causar um incômodo. Como o elevador, a causa pode ser por insetos (baratas, aranha, abelhas etc),  lugares movimentados (Agorafobia) ou o simples medo de sair de casa (Transtorno do Pânico). Conforme a violência se instala na sociedade, os números de assaltos aumentam, assim como a quantidade de pessoas que sofrem do pânico por terem sido submetidas a ameaças com arma durante um roubo. Por serem situações de risco de vida, o indivíduo passa um nível de ansiedade tão grande que acomete palpitações cardíacas e suor em excesso (sudorese).


Perdendo o Medo

É preciso trabalhar de forma racional com o que lhe causa medo em excesso, se no caso de assalto, como a sua atitude facilitou os assaltantes, criando critérios que prejudiquem ser assaltado novamente, fazendo também uma probabilidade de quanto aquele evento pode acontecer novamente. No caso de elevadores, pesquisar o funcionamento operacional do aparelho, como os dispositivos de segurança, e aos poucos entendendo que uma fatalidade é mais difícil do que se imagina. Se tratando dos insetos, pesquisar a forma de ataques e os motivos que os fazem reagir de forma violenta, na maior parte das vezes eles estão com medo de você.


Dessensibilização Sistemática

Através do entendimento de como evitar e entender a situação que originou a fobia, tem início a dessensibilização sistemática. Ela faz com que a ansiedade, gradualmente seja diminuída através do contato com o que gera o medo ou o pânico (ansiedade). No caso de insetos, eles são colocados na frente da pessoa através de fotografias, vídeos até chegar ao ponto dela vê-lo pessoalmente e concluir que não representa perigo desde que tome algumas precauções. Em caso de elevador, a pessoa entra em um, sem andar, até se sentir bem o bastante para começar a andar normalmente. Quando existe o diagnóstico de Transtorno do Pânico, a Dessensibilização utiliza-se técnicas de relaxamento, como respiração, aumentando a oxigenação do cérebro, provocando a diminuição da ansiedade e do tônus muscular.

Neste vídeo, uma mulher supera seu terrível medo por palhaços:


Se tratando de privações por parte de quem possui um medo muito grande de determinada coisa, fazendo com que impeça que sejam realizadas coisas simples e rotineiras, o melhor a ser feito é buscar ajuda com um Psicólogo. Através da Psicologia, você terá ajuda necessária para superar seus medos.

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Medos assim eu nunca tive.
    Medo na fase adulta eu desconheço.
    As pessoas falam que não sou normal, mas não tenho mesmo.
    Talvez tenha, de não poder defender quem amo, mas medo meu, não.
    Já fiquei preso em elevador. Não estava só é verdade, mas foram duas vezes e eu fui a pessoa mais calma em ambas ocasiões. Tinha até uma menina que fazia curso ou praticava algo sobre domínio da mente, manter-se calma etc.. foi a mais desesperada. Chegou a ser engraçado.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?

    Belíssimo post!
    é sempre bom passar por aqui, gosto de apreciar as coisas que você escreve, sinto falta de visitar seu blog.Eu ando tão sem tempo :(


    Desculpe meu sumiço, a faculdade está me consumindo =p


    Vou deixar uma frase aqui que acho muito bonita como um presente para vc:


    "Tem gente que tem esse dom.
    De ser feliz e querer cultivar o sorriso alheio."

    |Caio F. Abreu|


    Um grande beijo!

    ;**

    www.gabs-13.blogspot.com

    ResponderExcluir

- Sem palavrões
- Deixe seu e-mail para que avise a você quando tiver respondido o seu comentário

Seu comentário é muito importante! Faça sua pergunta e irei te responder assim que possível!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...